segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

MÉDICOS PODEM SE CADASTRAR NA FORÇA ESTADUAL DE SAÚDE, ACESSANDO O SITE DO CREMERJ

Médicos podem se cadastrar na Força Estadual de Saúde

O secretário estadual de Saúde, Sérgio Côrtes, esteve no CREMERJ nessa terça-feira, 17, para apresentar aos conselheiros o programa da Força Estadual de Saúde . Através dessa iniciativa, o governo do Estado está montando um cadastro com médicos e profissionais de diversas áreas, para atuar em situações emergenciais epidemiológicas, de desastres ou de desassistência à população.

Aqueles que fizeram seu cadastramento poderão ser acionados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) para participar das ações de emergência em saúde pública nas áreas afetadas por desastres que demandem o emprego urgente de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, bem como a prevenção de danos e agravos à saúde pública. O médico será chamado e remunerado por plantão em disponibilidade por 24 horas, cujo valor de cada plantão é R$ 2 mil. Os pagamentos serão realizados pela SES.

"Um médico que more no Rio pode ser solicitado por cinco dias em Itaperuna, por exemplo. Ele ficará disponível no local durante esses cinco dias. Nesse caso, ele provavelmente vai fazer cinco plantões de 12 horas, mas ficará disponível, num hotel ou em um determinado local, o restante do tempo. E nesse caso, ele vai ser remunerado por cinco plantões, ou seja, ele vai ganhar R$ 10 mil", detalhou Sérgio Côrtes.

De acordo com o secretário, estima-se que 95% dos atendimentos a serem realizados pedem médicos generalistas, mas médicos especialistas podem se inscrever. "Algumas vezes, torna-se necessário até mesmo montar um hospital de campanha para procedimentos cirúrgicos", salientou.

A Força Estadual de Saúde foi instituída pelo decreto 43.408, publicado no Diário Oficial do Estado em 9 de janeiro.

Entre no site do CREMERJ e inscreva-se.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget